contador de visita

Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

http://joaoalegria.blogs.sapo.pt

<div id="sfc33p9rmnbqy98b4ahfpn4a6hu3sah3hg5"></div> <script type="text/javascript" src="https://counter8.stat.ovh/private/counter.js?c=33p9rmnbqy98b4ahfpn4a6hu3sah3hg5&down=async" async></script>

http://joaoalegria.blogs.sapo.pt

<div id="sfc33p9rmnbqy98b4ahfpn4a6hu3sah3hg5"></div> <script type="text/javascript" src="https://counter8.stat.ovh/private/counter.js?c=33p9rmnbqy98b4ahfpn4a6hu3sah3hg5&down=async" async></script>

Proverbios e Adivinhas

19
Mai15

 

Provérbios

 

De grão em grão a galinha enche o papo.

De livro fechado, não sai letrado

A Laranja, de manhã é Ouro, de tarde é Prata, e à noite mata.

A lua não fica cheia em um dia.

A má erva depressa nasce e tarde envelhece.

Se o velho pudesse e o novo quisesse, nada havia que não se fizesse.

Se queres conhecer o vilão, põe-lhe uma vara na mão

Adivinhas

 

"Todas as damas me querem,

à cabeça me dão valor,

eu mordo e não tenho dentes,

ferro sem ser pescador."

Solução: Alfinete

 

"Todas as damas me querem,

dão-me à cabeça valor,

sem ter dentes firo às vezes

sem montar sou picador.

Aquele que de mim precisa,

se ao pé de si não me vê,

vai buscar notícias minhas

em carta que se não lê.

Quase todas as criadas

me encontram sendo perdido,

sou mil vezes emprestado

e nunca restituído."

Solução: Alfinete

 

"Somos quinhentos soldados

de nossas armas compostos,

todos cobertos e armados

em fileiras ordenados,

e num campo branco postos.

Não dá para pelejar,

porque não somos temidos,

dantes de damas queridos,

que nos põem num alto lugar,

onde andamos escondidos."

Solução: Papel de alfinete